Skip links

Cloud Computing cresce e desafia a competitividade

Com nuvem tornando-se normal, empresas precisam descobrir como gerar valor para os negócios

A adoção de cloud há muito tempo saiu do status de possível para realidade. Já virou a norma do mercado. Em razão desse cenário, empresas precisam construir novos modelos de negócios para obter vantagem competitiva de seus investimentos em nuvem, de acordo com relatório da Verizon Communications.

O levantamento identificou que 84% das companhias que usam cloud relataram que ampliaram a utilização da nuvem em 2014. Além disso, cerca de metade das empresas pesquisadas disse que pelo menos 75% de suas cargas de trabalho vão para a nuvem até 2018. Apenas 16% disseram que simplesmente estar na cloud promove vantagem competitiva significativa em relação aos concorrentes – contra um percentual de 30% do ano anterior.

O relatório indica que a nuvem ainda tem papel importante a desempenhar no fornecimento de vantagem competitiva, mas cloud é agora apenas uma das apostas. Assim, o modelo não se limita à apenas a parte tecnológica, mas sua aplicação nos negócios.

O relatório constata que cerca de um terço das empresas usa nuvem para adaptar seus modelos de negócio, criando aplicações, mudando a precificação baseada no uso ou outras estratégias baseadas em tecnologia. Entre as empresas pesquisadas, 37% disseram ter usado a nuvem de alguma forma para mudar modelos de negócios, em comparação com 19% que estavam “trabalhando nisso” e 25% que fizeram nenhuma alteração.

A pesquisa da Verizon também descobriu que mais empresas estão adotando a nuvem híbrida e estão menos preocupadas com a questão da segurança: 80% das organizações pesquisadas disseram que seus aplicativos e sistemas baseados são tão seguros, se não mais, do que a infraestrutura no local.

Fonte: ITFORUM 365, 09/11/2015

Leave a comment