Como você lida com a gestão de custos da sua empresa? Para resolver o problema, as organizações têm adotado a tecnologia em nuvem para otimizar os seus processos.

De acordo com o estudo feito pelo IDC, 85% do mercado deve contar com uma infraestrutura em nuvem em 2018. Afinal, as companhias viram a oportunidade de utilizar a nova ferramenta para ter mais destaque diante da concorrência. Mas como a tecnologia pode ajudar, de fato?

A tendência conta com diferentes benefícios: desde garantir maior segurança por uma infraestrutura capacitada, até facilitar o acesso aos dados por diferentes dispositivos.

As facilidades oferecidas permitem que a empresa reduza os seus custos operacionais, já que não será mais necessário lidar com os antigos data centers da companhia.

Ao terminar de ler o artigo, você saberá como reduzir os custos da empresa com a migração para a nuvem! Mas antes, saiba mais sobre a tecnologia que tem chamado a atenção no mercado!

Saiba o que é cloud computing

Basicamente, o termo tem como objetivo oferecer um serviço de armazenamento remoto. Dessa forma, no lugar dos usuários precisarem de equipamentos fixos da empresa, passam a utilizar quaisquer dispositivos autorizados para acessar os dados da plataforma. Para isso, basta estar conectado à internet.

Porém, a tecnologia não se restringe apenas à troca de dados ou documentos entre as máquinas e servidores. Ao utilizar aplicações de serviços, por exemplo, o usuário pode contar com a execução de aplicativos direto da nuvem, ou seja, todo o processamento é feito pelos servidores e enviado para a pessoa que solicitou.

Entenda os benefícios para a gestão de custos

Um dos benefícios oferecidos pela tecnologia é a possibilidade de pagar apenas o que for necessário para a sua demanda. Assim, as fornecedoras podem oferecer diferentes planos para o usuário, tornando a escolha mais flexível.

Mesmo com o valor mensal a ser pago, migrar o sistema para a nuvem traz diversos benefícios, além de um custo que vale a pena se comparado a outras tecnologias. Entre as vantagens, podemos citar algumas. Veja a seguir.

Ajuda a reduzir custos com estrutura

Como não há a necessidade de utilizar servidores físicos, a companhia conta com os seguintes benefícios:

  • não há necessidade de realizar a manutenção da máquina;

  • a empresa economiza com os gastos em energia, já que as máquinas são alocadas diretamente das fornecedoras;

  • o serviço contratado inclui uma equipe capacitada para atender aos chamados em caso de ocorrência;

  • não há necessidade de contratar serviços de segurança caros para o próprio data center, já que o benefício está incluso na contratação da nuvem;

  • contar com um backup automatizado e seguro pela fornecedora — dessa forma, a contratante terá menos preocupações em caso de perdas de dados.

Melhora a comunicação

Outro benefício oferecido pela inovação é a possibilidade de executar aplicações diretamente da nuvem, entre elas, o Google Apps for Work. O conjunto de aplicativos permite que a empresa utilize, por exemplo, o Hangouts para realizar conferências com áudio e vídeo, além de contar com um e-mail corporativo personalizado.

A opção oferecida pela Google permite que os usuários paguem apenas o valor mensal para fazer as atividades. Dessa forma, as reuniões marcadas pela internet se tornam mais baratas se comparadas aos serviços de outras companhias, que podem cobrar por tempo utilizado.

Olhando por esse ponto, ao delegar o serviço, a empresa pode obter ganhos relevantes em relação aos custos. Apesar disso, antes de implantar a novidade na empresa é preciso tomar cuidado para não ter gastos além do previsto.

Realize a gestão de custos na empresa

Apesar de todos os benefícios citados pela tecnologia, é importante estar atento quando for implantar a novidade em sua empresa. O motivo é pelo uso excessivo de consumo na nuvem. Ao inserir a novidade na rotina, é natural que a empresa busque utilizar todo o seu potencial para executar aplicações e usufruir dos benefícios comentados no artigo. Por isso, tenha em mente realizar a gestão de custo.

Para deixar claro, não é por isso que você deixará de usar os seus recursos, a ponto de colocar em risco a sua infraestrutura de TI, mas sim estar consciente às ações praticadas com a nuvem.

Isso ocorre por conta da ausência de um planejamento na implantação. Como a prioridade das organizações é contar com o serviço o mais rápido possível, é natural que não haja a preocupação em relação ao que está sendo consumido pela nova plataforma.

Assim, conforme o consumo aumenta (em alguns casos, sem necessidade), o valor a ser pago tende a crescer proporcionalmente. Então, como manter o equilíbrio?

Tenha maior controle do que é gasto

Para esse objetivo, basta utilizar as ferramentas da própria plataforma. O serviço tem a função de monitorar o uso excessivo de processamento, inclusive aplicações que não necessitam de sua execução contínua.

Dessa forma, é possível até mesmo encontrar falhas em execuções, que são responsáveis pelo alto consumo de processamento. Depois de detectar e corrigir as falhas, o custo será reduzido. Além disso, você pode:

  • verificar quais endereços IP estão sem uso;

  • verificar a baixa utilização de CPU;

  • otimizar os volumes de armazenamento.

Para garantir a eficiência da tecnologia é preciso contar com um plano estratégico. No caso do armazenamento em nuvem, considere armazenar apenas informações relevantes, caso contrário, o espaço disponível rapidamente ficará cheio.

Apesar de o avanço tecnológico ter criado diferentes soluções para o mercado, algumas empresas não tiveram o cuidado de procurar entender a melhor forma de utilizar a ferramenta.

Por outro lado, se for feita de forma planejada, a empresa poderá enfim aposentar o seu antigo data center. A tecnologia já está no mercado há um tempo, e possibilitou diferentes benefícios inclusive para seus colaboradores.

Seja na facilidade de organizar backups automatizados, seja para melhorar a comunicação da equipe ou contar com uma infraestrutura segura, a praticidade da nuvem se tornou tendência em praticidade e redução de custos.

E você, o que achou da gestão de custos na nuvem? Deseja saber mais sobre a tecnologia que tem chamado a atenção das empresas? Então continue lendo o nosso artigo sobre como ela ajudou a revolucionar o mundo!