Está cada vez mais inviável, para as empresas que estão em busca de crescimento, trabalhar com infraestruturas físicas dedicadas. Além do alto custo de gestão e manutenção, a dificuldade de escalabilidade pode fazer o negócio perder vendas e ficar com o sistema instável. É nesse cenário que a computação em nuvem ganha espaço, com sua elasticidade, mobilidade e facilidade de gestão.

Em busca de redução de custos, muitas empresas têm investido na contratação de parceiros especializados para auxiliá-los no gerenciamento de nuvem. Dessa forma, a equipe de TI interna pode focar toda a sua atenção em estratégias voltadas para os negócios, enquanto recebe da consultoria especializada os feedbacks sobre a gestão da nuvem.

Neste post, vamos explicar melhor o que deve ser analisado na hora de escolher uma consultoria de nuvem para a sua empresa. Confira!

Por que contratar uma consultoria e gerenciamento de nuvem?

Essa é uma pergunta recorrente: por que devo contratar uma consultoria de gerenciamento e não manter uma equipe interna? Bem, se o core business de sua empresa não está relacionado à infraestrutura em nuvem, tudo o que for investido na gestão de cloud computing será custo — não há ROI nessa relação.

Se não há retorno sobre o investimento na gestão da infraestrutura em nuvem, seu objetivo deve ser gastar o menor tempo possível com esse processo, sem perder qualidade. Por exemplo, em uma empresa de transporte coletivo interestadual, que vende passagens via site e aplicativo, os profissionais devem estar focados em vender passagens, não em cuidar da infraestrutura de TI.

A partir do momento em que a empresa contrata funcionários exclusivamente para a gestão da nuvem, está aumentando o custo que, inevitavelmente, será repassado ao preço do seu produto. A contratação da consultoria deve ser feita justamente para que a empresa não tenha que fazer grandes investimentos em uma área que está fora de seu core business.

Quais empresas podem se beneficiar com esse serviço?

Esse modelo de gerenciamento pode ser aplicado a diversas camadas de aplicação na nuvem, ou seja, a empresa contratada poderá ficar responsável pelo monitoramento e gerenciamento de uma infraestrutura que hospeda um SAP, ERP, CRM ou até um sistema de armazenamento de arquivos da empresa — de qualquer porte e segmento.

Até as organizações que disponibilizam serviços em nuvem, ou seja, provedores de software como serviço, podem se beneficiar com essa estratégia.

Como escolher a melhor consultoria de gerenciamento de nuvem?

Agora que já sabemos o principal motivo que leva as empresas a investirem em uma consultoria de gerenciamento em nuvem, vamos a um dos grandes dilemas: o que devemos analisar na hora de escolher um parceiro para fazer esse gerenciamento? Veja algumas dicas abaixo.

Busque opiniões dos clientes

Com o mercado de TI cada vez mais aquecido — e para quem está buscando um parceiro para a gestão em nuvem pela primeira vez —, pode não ser tão simples identificar as empresas que realmente entregam o que prometem.

Nesse cenário, a melhor opção é buscar referência com os atuais clientes dessas empresas. Muitas delas costumam listá-los em suas redes sociais e sites. Então, identifique-os e tente entrar em contato com pelo menos um. Dê preferência para organizações que sejam do mesmo segmento e porte que a sua.

Se não for possível, busque opiniões na internet. Vale procurar em sites de pesquisas de reputação, como o Reclame Aqui, ou nas mídias sociais. O importante é eliminar o máximo de dúvidas possíveis antes de fechar com a empresa para entender se ela realmente entrega o que promete.

Analise o suporte técnico

Os problemas nunca chegam com hora marcada, e quando se trata de infraestrutura em nuvem, uma falha prolongada tende a custar caro. Uma empresa que trabalha com transporte rodoviário e depende do sistema em nuvem para fornecer as passagens online, por exemplo, pode perder um grande volume de vendas se ficar algumas horas com o sistema indisponível.

Por isso, antes de fechar com uma empresa de consultoria, analise o SLA e verifique o que ela diz em relação à prioridade de atendimento em casos de urgência. Também analise o histórico da organização na área de atendimento ao cliente.

Verifique o nível de segurança

Se você está contratando uma empresa para gerenciar a sua infraestrutura em nuvem é porque deseja focar no core business. Ou seja, não terá tempo de analisar os detalhes, todos os dias. Como os dados são um dos ativos mais importante para a gestão, a segurança deles também deverá ser prioridade na escolha do parceiro.

Se você não pretende verificar os requisitos de segurança diariamente, deverá ter confiança na parceira de consultoria de nuvem. Para isso, avalie as políticas de segurança praticadas por ela. Empresas que têm credibilidade e preparo se preocupam em garantir a tranquilidade do cliente, mantendo uma infraestrutura certificada e que garanta a privacidade dos dados.

Somente após analisar essas questões técnicas é que você deverá começar a discutir valores. Estamos falando de uma área muito crítica e um vazamento de dados pode resultar em perdas financeiras, de credibilidade e em problemas legais, após a entrada em vigor da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

Avalie os casos de sucesso

As empresas que prestam consultoria com qualidade e entregam o que prometem não precisam fazer a propaganda de seus serviços sozinhas. Afinal, os clientes satisfeitos fazem questão de falar sobre.

Verifique, no site da empresa, se há uma página dedicada aos casos de sucesso relacionados aos serviços prestados. Entenda como a consultoria foi importante para que o cliente pudesse focar em seu core business, sem perder qualidade de gestão.

Saiba se a empresa oferece monitoramento

A empresa parceira deve fornecer um bom monitoramento, pois, tão importante quanto resolver os problemas é prevenir ou reduzir ao máximo os impactos. Para isso, o ideal é que o monitoramento seja feito 24×7, com relatórios de SLA mensais. Além disso, é interessante que a empresa ofereça ações autônomas em caso de falhas, reduzindo consideravelmente a possibilidade de o sistema ficar indisponível.

Como vimos, a escolha de uma empresa parceira para fazer o gerenciamento de nuvem deve considerar diversos fatores. Aqui na IPsense, oferecemos pacotes flexíveis a empresas de vários segmentos, com serviços de monitoramento, segurança, gerenciamento de custos e suporte 24×7. Somos aprovados pela auditoria AWS para o grupo de elite da AWS Next-Generation Managed Service Partners.

Gostou do post? Quer saber como ter a melhor consultoria de gerenciamento de nuvem a favor de sua empresa? Entre em contato conosco e descubra.